Se meu corpo
não expressa
é porque não tenho   
mais pressa
em dizer-te.  
Amo-te
suavemente
e levemente
feliz. 
Amo-te
docemente
como o mar
ama a praia,
como o céu
ama a luz,
como o sonho
ama a noite,   

como o monte
ama a várzea,
como o verão
ama as folhas
antes do outono.  
Amo-te
um minuto
como se fosse
o sempre,
um momento
sendo eterno,
a eternidade
num instante.   
Amo a luz
do teu semblante,  

a tua pele
que a brisa afaga,
o teu olhar
que me fascina,
o teu corpo
que me alucina.  
Amo-te
simplesmente
por querer
te amar,
sem que você  
precise querer
me amar.  

-JD/


Comente... Uma simples e pequena atitude transforma um dia deixando leves os sorrisos.


Poesias - Frases - Citações - Conselhos... Conselhos não! ☻ Um blog que também funciona como arquivo. Sejam bem-vindos(as). E obrigado pela visita. Voltem sempre.